Stereo Parks EP

    O EP de estreia dos Stereo Parks é a seleção desta semana para uma review no âmbito de álbuns produzidos em território nacional. A banda em menção soa precisamente ao modelo de indie rock que apreciamos, recheado de distintas influências britânicas. Um EP que marca, cremos, o início de uma jornada promissora, onde os Stereo Parks merecem indubitavelmente um LP.

    Formados em 2008 por João Taborda e Manuel Leonardo, os Stereo Parks foram percorrendo o seu trajeto até 2010, onde sucede a sua formação atual. Após tal ocorrência, a banda concorreu ao Super Bock Super Rock Preload, onde saiu vencedora. O prémio, esse, seria exatamente atuar no festival em referência, do qual arrecadaram variadas críticas positivas. Os Stereo Parks são – para além dos guitarristas João Taborda e Manuel Leonardo – Gonçalo Teixeira na voz, Nuno Henriques na guitarra baixo e Filipe Ferreira na bateria. Este grupo de 5 lisboetas tem como principais influências os colossais Arctic Monkeys, The Kooks, The Hives, Kings Of Leon, The Strokes, Interpol e White Stripes.

    “Crazy T-Shirts” marca o arranque de este EP constituído por 4 faixas de originais, repletas de um genuíno indie rock onde subsiste uma notável estruturação melódica ligada com um lirismo bem realizado. Um início de EP edificado por riffs de guitarra visivelmente conseguidos e uma voz cuidada por parte de Gonçalo Teixeira. Seguimos esta reprodução na direção do tema “For What”. Uma faixa onde encontramos claramente a influência de Arctic Monkeys nos riffs iniciais e um refrão deveras cativante que entra espontaneamente no ouvido. “Long Time No See” é a penúltima faixa de este EP, sendo esta a mais cativante de todo o trabalho. Uma letra clara, curta e memorizável alimenta este tema constituído por uma melodia acústica admirável para quem está apenas a começar. Chega-nos aquele indie rock ao bom estilo britânico com “Saturday Night”, cessando na perfeição este EP. “Saturday Night” é exatamente o tema que consideramos mais notável em todo este trabalho. Uma faixa que marca um final animado, constituída por aqueles que consideramos os melhores riffs de todo o trabalho.

    Das 4 faixas patentes neste EP, elegemos “Saturday Night” como favorita.

  Um trabalho formidável alcançado por cinco rapazes que estão apenas no início de um projeto brilhante, repleto de características muito próprias e valorizáveis. 

Ouve este trabalho no soundcloud da banda.  

– Ana Camilo

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s